quarta-feira, 6 de abril de 2011

A grande discussão da semana: a torcida

Antes do clássico quando fiquei sabendo que a polícia havia proibido o uso de piscas e sinalizadores mesmo tendo permitido o uso do mesmo material no jogo do curral eu fiquei indignado. Pensei em fazer uma postagem criticando a postura mais uma vez diferenciada da PM mas acabei não tendo tempo. Quando li no Elite Azul e Branca que devido a este acontecimento a idéia era que todos levassem uma camisa do AVAÍ a mais para girar quando o AVAÍ entrasse em campo mandei torpedo para meus amigos AVAIANOS para tentarmos implementar isto. Não deu certo também.

Mas a torcida que estava sendo vítima da situação acabou se tornando a vilã. Na entrada do time em campo acenderam os piscas e sinalizadores que conseguiram passar pela vistoria da PM. Ato irregular mas até aí nada de mais já que era a mesma situação do primeiro clássico. Mas quando o time voltou para o segundo tempo tiveram a idéia de acender o restante, e pior, um nó-cego atirou um sinalizador dentro do campo. Como não tinha vento a fumaça paralizou o jogo por 15 minutos e fez mal a quem estava naquele setor. Depois deste acontecimento eu dou toda razão à PM, não tem que deixar entrar mais sinalizadores. Uma pena pois na maioria das vezes eles foram bem utilizados fazendo uma bela festa, mas desta vez não foi legal. Pior, com a paralisação o time esfriou e na volta o tricolor fez o gol que sacramentou o resultado.

Pior que isto só os covardes que atiraram pedras contra a torcida tricolor acertando até mesmo idosos e crianças. Teve amigos meus que estavam na torcida deles e que disseram que a coisa foi feia.

Tem que identificar este(s) bandido(s) e punir severamente.

Por falar em punição, seremos julgados pelo arremesso do sinalizador dentro do gramado e pelas pedradas. Sinceramente acho que seremos punidos e devemos perder o único mando de campo que temos até o final do campeonato já que mesmo nos classificando provavelmente jogaremos todas as partidas fora de casa, podendo ter no máximo mais um jogo em casa se chegarmos à grande final. E digo mais, ser formos punidos não será injustiça e talvez até seja benéfico para que a própria torcida policie os baderneiros para não termos mais destes problemas.

Nossa torcida sempre foi exemplar mas neste jogo pisou na bola bonito.

6 comentários:

Ronaldo disse...

Pisca e sinalizadores são proibidos, ficar parado no parapeito também.
Que tal todos respitarem as normas? É o rasgado falando do remendado.

Sergio Junior disse...

Sandro, quem pensei que so Silas esquecia.

Sandro disse...

Ronaldo, fumar também é proibido entre outras coisas, mas olha a comparação que estás fazendo. O sinalizador arremessado para dentro do campo pode nos tirar mando de campo, nunca vi ninguém ser arremessado do parapeito.

Sérgio, não entendi o comentário.

Saudações Azurras,
Sandro

luiz alberto disse...

Sandro, quando chamas o Orlando Escarpele de curral,estas a chamar torcedores de animais, demonstrando que podes ser o cara que joga pedra nestes animais, que joga sinalizador no animal que esta dentro do campo, etc. Voce como formador de opinião deveria medir suas palavras.

Sandro disse...

Luiz Alberto,
não se joga pedra nem sinalizadores nem em animais e eu não jogaria assim como 99,99% da torcida AVAIANA não atiraria as pedras ou sinalizadores e condenou o que aconteceu.
Chamar o campo deles de curral é a mesma coisa que eles chamam o nosso de mangue, nos chamam de smurfs e os chamamos de barbies, etc.. Isto é coisa antiga, sempre foi chamado assim e não é isto que gera violência, com certeza. O que gera violência é a índole destes marginais infiltrados em qualquer torcida pois isto acontece em todos os lugares.
Saudações Azurras,
Sandro

ELAS GOSTAM DE FUTEBOL disse...

Sandro!
Tudo o que vimos naquela noite foi equivocado. sento no setor A e a fumaça nos sufocou, literalmente. Mas acho que a nossa impressa e miot hipócrita, demagoga e sensacionalista. O que aconteceu no "mangue", aontece também no "curral", mas a maneira que é divulgado é diferente. Temos sim que respeitar e ser punidos, mas tem que haver imparcialidade.

Saudações Avaianas
Carmen