terça-feira, 22 de junho de 2010

Eeeeeeita Dunga!

Sempre simpatizei com o Dunga. Primeiro como jogador e agora como técnico.
Como jogador nunca foi um primor de técnica, muito pelo contrário, fez um bocado de buracos pelos campos por onde passava, mas era um jogador simples, dedicado e com uma raça acima da média. Foi crucificado na Copa de 90 e teve seu nome associado com uma seleção perdedora por não ter rachado o Maradona no início da jogada que culminou com o gol do Caniggia que nos eliminou daquela Copa, mas não iríamos longe naquela Copa mesmo, a seleção era fraca e a culpa não era só dele. A Era Dunga era sinônimo de fracasso.
E ele teve que carregar esta cruz até vencer em 94. E em 94 ele era o sinônimo de garra naquele time. Vencemos e ele teve a honra de erguer a taça como nosso capitão. Nada mais justo para um cara que passou pelo que ele passou, assumindo a culpa sozinho de uma geração perdedora.
Quando menos se esperava, após outro vexame em Copa com o Parreira, eis que a CBF anuncia o Dunga como novo treinador a fim de colocar ordem na casa. Patinou um pouco no início mas acabou engrenando e nossa Seleção voltou a ser vencedora. É um técnico vencedor mas ainda carrega uma mágoa da imprensa que o crucificou não só em 90, mas no início do seu trabalho como técnico. E agora é ele quem dita as regras. Não dá arrego pra Globo, bate boca com jornalistas e acabou com os privilégios da toda poderosa. Guardadas as devidas proporções, me lembra o Alfredo Sampaio em 2007 quando brigou com a rbs.
Vejo muitos criticando o Dunga pelo seu jeito grosseiro, mas quando comparo a imprensa nacional com a catarinense e o que fazem com o Dunga lá e com o AVAÍ aqui, fico imaginando como seria bom se tivéssemos um cara corajoso como o Dunga para enquadrar a imprensa aqui como ele está fazendo lá.
Se eu já era simpático ao jeito Dunga de ser, agora mesmo que admiro mais o nosso técnico. Grande Dunga, manda bala aí.

2 comentários:

Adir José disse...

A comparação com o Alfredo Sampaio é boa...

O que aquele significa para o Avaí, este significa para a seleção: mediocridade.

Dunga e Globo estão em trincheiras diferentes, mas ambas opostas à minha.

Não tenho Blog, mas é do Avaí. disse...

Dunga é só mais um palhaço... Acha que está ditando as regras, mas quem dita é o Ricardo Teixeira, a Nike, Adidas etc.