terça-feira, 21 de outubro de 2008

Pirataria

O AVAÍ está organizando um seminário de combate à pirataria, em defesa dos produtos licenciados. Ocorrerá semana que vem, dia 29 no estádio da Ressacada.
Uma boa pedida para quem trabalha na área e também para quem tem interesse em vender produtos relacionados ao AVAÍ ou a qualquer clube de futebol.
Mas tenho uma crítica a fazer. O AVAÍ deveria começar esta campanha de combate à pirataria nos seus próprios jogos, onde vemos tudo quanto é tipo de produto relacionado ao AVAÍ sendo vendido ao redor do estádio. Só que nota-se muito facilmente que nada, ou quase nada, é licenciado, tudo falsificado, onde todos ganham, menos o AVAÍ que é o maior prejudicado nestas fraudes.
O AVAÍ deveria contratar seguranças particulares ou até mesmo pedir ajuda à PM para evitar que se venda produtos não licenciados ao redor do estádio.

Um comentário:

Saulo Milleri Biral disse...

Concordo com você. Se os produtos do Avaí estão sendo vendidos sem ser licenciados ao redor do estádio, é preciso contratar seguranças particulares ou pedir ajuda da polícia. O que não pode é ficar parado e deixar isso acontecer livremente. Quem perde com isso é o próprio Avaí.